31 de maio de 2020

Iniciativas ajudam a fomentar vendas on-line

O Brasil tem 17,2 milhões de pequenos negócios e 9,3 milhões de microempreendedores individuais (MEIs)


Por Redacao 019 Agora Publicado 29/04/2020
Por Pixabay

Para ajudar empreendedores e autônomos, que precisaram se reinventar e repensar seus negócios e serviços, surgiram grandes iniciativas para auxiliar nas vendas on-line, plataformas de comércio eletrônico e ferramentas para conectar pequenos empreendedores a potenciais clientes.

“A pandemia da Covid-19 representa grande ameaça aos micro e pequenos empreendedores, que precisam de mais fôlego para se recuperar dos impactos causados pelo novo coronavírus. Por isso, desde o início da crise, venho propondo ações para minimizar os impactos na economia e na vida das pessoas”, fala o deputado Itamar Borges, presidente da CAE – Comissão de Atividades Econômicas da Alesp, que trata de assuntos dos setores de Agricultura, Turismo, Comércio e Indústria.

Itamar Borges também é presidente da Frente Parlamentar do Empreendedorismo e das Frentes do Agronegócio e da Indústria da Construção e da Mineração, que representam importantes setores da cadeia produtiva.

“Passaremos por um período de recessão, assim como todos os países do mundo, e será necessário medidas emergenciais para minimizar os impactos da pandemia. Por isso, neste momento de incertezas, devemos agir com empatia, respeito e união”, complementa o parlamentar, que apresentou sugestões e pleitos para flexibilizar o recolhimento de tributos, liberação de linhas de crédito, também fez divulgações para promover a campanha #CompreDoPequeno, e outras ações para atenuar o impacto da Covid-19 na economia paulista e na preservação de emprego e geração de renda.

Com o apoio do Ministério da Agricultura, o Sistema CNA/SENAR lançou uma plataforma nacional de comércio eletrônico que vai reunir produtores rurais, aplicativos, redes de supermercados e prestadores de serviço de frete para facilitar a comercialização de produtos do campo. O portal: mercado.cnabrasil.org.br tem o objetivo de diminuir a distância de quem produz e quem consome. Também foi lançado recentemente o portal Salve os Pequenos, que conecta pequenos negócios a potenciais clientes e tem a intenção de ajudar os micro e pequenos empreendedores, de cidades com mais de 100 mil habitantes, a manterem as vendas neste período de crise.

O Brasil tem 17,2 milhões de pequenos negócios e 9,3 milhões de microempreendedores individuais (MEIs). Juntos, eles correspondem a 99% das empresas privadas que têm funcionários no país e empregam 55% dos trabalhadores com carteira assinada, segundo dados do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).